26.4.10

Esse outro que sou eu!


Existem momentos em que a pluralidade que me habita obriga-me a buscar as palavras de um outro que me traduza dentro da sua singularidade, ainda que também múltipla, porém diferente da minha multipicidade. Mais uma vez encontro em Manoel de Barros, tão bem definido, aquilo que, nesse instante, me ronda sem encontrar o verbo certo. Sou ele nesse seu dizer tão meu!


A maior riqueza do homem
é a sua incompletude.
Nesse ponto sou abastado.
Palavras que me aceitam como
sou - eu não aceito.
Não agüento ser apenas um
sujeito que abre
portas, que puxa válvulas,
que olha o relógio, que
compra pão às 6 horas da tarde,
que vai lá fora,
que aponta lápis,
que vê a uva etc. etc.
Perdoai
Mas eu preciso ser Outros.
Eu penso renovar o homem
usando borboletas.

8 comentários:

Tânia regina Contreiras disse...

Pois é: palavras emprestadas, a gente pega e uma hora devolve renovada e versificada!

Bjos

Ricardo Calmon disse...

querida seguidora, me sinto estranho,pois é a primeira que em vez de cometar,uivar tengo,post teu in texto é para se reler,pensar e repensar!

percebo em oce,uma buterfly philosophique,quiero más!

bzu in cuore!

obrigado pela doçura de comentário!

viva la vida

Denise disse...

M. de Barros
tem o dom de falar aquilo que nem sempre conseguimos traduzir em palavras.

Grata pela visita e pelas palavras lá no meu cantinho.

carinho

Rita Contreiras disse...

Muitas vezes externamente a imagem muda, mas o sentimento que nos move é o mesmo...

Ricardo Calmon disse...

Olá Rita,com todo respeito e total ternura,um escorpiano te diz,sensibilidade tua extrapola o bom senso,és guru?com rosas magias,trabalhas?acredito que sim,guru,na de se expressar arte,rosas magias,em letras formas,emanas e sussurras,e oriunda são elas do abissal uterino da alma viva tua,pura amizade respeitosa à primeira vista,é o que sinto ,e à mágica vida,agradeço,por em campos meus,pousado teres.
puro encantamento
viver esse
viva la vida

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

com Manoel de Barros..... entrei na matilha!

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

uau....la loba, me ganmhou só no nome do blog

Rita Contreiras disse...

Meus queridos, grata por me visitarem e pelas palavras de carinho. Por aqui podem soltar seus uivos de traduções variadas.Fiquem à vontade. Bjs